sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Sonho com asas

Tenho em mim sonhos complexos que nem sei se posso realizar. Sonho com asas que me levem além do limite em que meus pés possam ir. Sonho em voar por terrenos elevados. Sonho em tocar o céu com minhas asas de plumas suaves de cor coral.

Sonho em atravessar nuvens, subindo e descendo em rasantes que rasguem os céus. Sonho com o vento veloz e frio batendo em meu rosto e atravessando as penas de minhas asas. Sonho com o céu. Sonho com o mar.

Sonho em mergulhar o mais fundo que se pode ir. Quero ver a vida na escuridão marinha e impulsionar o mergulho com minhas asas agora molhadas. Sonho em tocar o oceano, gota por gota.

Sentar no cume da montanha mais alta e admirar o espetáculo do por-do-sol. Abrir minhas asas e braços quando começar a aurora boreal e saborear aquele espetacular show de luzes sobre mim.

Sonho comigo. Com dias menos amargos, com asas que me levem pra longe dos dias tristes. Sonho com asas, mas essas não são minhas. Essas são suas. Sonho com você que ainda não conheço. São sonhos românticos e romantizados de uma vida a dois que consegue suportar a mesmice do dia a dia.

Sonho com suas asas fortes, belas e douradas se curvando sobre mim em um abraço protetor que faria até mesmo a dor se curvar de medo. Sonho com seus olhos sonhadores rasgado a imensidão do céu ao meu lado.

Sonho com dedos entrelaçados e beijos apaixonados. Asas para voar longe do desanimo e da solidão. Sonho com o perfume dos seus cabelos e a imensidão do seu olhar. Sonho com seu sorriso refletido em pequenos chutes dentro de mim. Um pequeno par de asas que levará o melhor de mim e de você.

Sonho com asas. Sonhos distantes, simples, complexos. Cheios de paixão, solidão, carinho e emoção. Sonho com o calor e o céu. Sonho com você e suas doces e belas asas.

OBS: O texto foi escrito por mim e é proibido seu uso ou cópia integral, ou de fragmentos, sem a autorização da autora. O mesmo vale para todo e qualquer conteúdo deste blog que seja de minha autoria. Sua cópia ou uso sem autorização é qualificado como plágio, sendo configurado como crime previsto no Código Penal. O infrator está sujeito as punições previstas no Art. 184 do Código Penal - Decreto Lei 2848/40

Kamila Mendes

3 comentários:

Mylla Stefany disse...

Aww... que fofo! ^^
De todos os seus textos que eu li esse é o meu preferido! ;)

Beijokas linda
Blog da Mylloka

Kamila Mendes disse...

ouxi :3, obrigada Mylla! Q bom q vc gostou! *-*

Fran Borges disse...

Oi Kamila, adorei o texto. Creio que para nós que escrevemos, nossos textos e poemas são como asas. Lindo.

Beijos

http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/